Diogo Coimbra

279160000_722800545422539_7731897480902552867_n.jpg

Desde muito novo que o ritmo e a batería lhe despertaram atenção e interesse começando a aprender as primeiras noções de batería com Ricky Barcelos, desenvolvendo também as suas aptidões como autodidata e contacto/partilha com outros bateristas.

Ingressou no Conservatório Artes e Comunicação da Filarmónica União de Oliveira do Bairro, na classe de Bateria do Professor Miguel Estima, com quem ainda estuda regularmente.

Participou numa residencia artística Erasmus + e em varios projetos comunitários (Tributo a Zeca Afonso, Para Habitarmos Juntos Num Lugar, Orquestra do Cértima e Trio de Jazz).

Em 2021 venceu o Prémio Jovem Artista do Rotary Club de Oliveira do Bairro, com a peça original “Instintos da minha terra”.